ESPAÇO DA LÍNGUA PORTUGUESA           DICIONÁRIO             LITERATURA               QUEM SOMOS              FALE CONOSCO                    100 ERROS               SIMULADOS
A /

Há muita confusão no uso destas duas palavras que indicam
tempo; para facilitar vamos estabelecer algumas diferenças básicas:

= verbo haver e indica tempo passado, normalmente pode ser substituído por faz.

dez anos que não a vejo.
Não vou aquele lugar
muito tempo.

A
= é preposição na indicação de tempo futuro, não é
possível substituir pela forma verbal
faz.
Estamos a três dias do final de ano.
Irei embora  daqui
a um mês.

A / PARA

As duas preposições são usadas com verbos que indicam
movimento; no entanto, há algumas diferenças significativas:

A
= indica retorno rápido, sem intenção de permanência no local.
Vou a São Paulo. (neste caso a intenção é de passar algum
tempo em São Paulo)

PARA
= indica um tempo duradouro, sem a intenção de
retorno.
Vou
para Bahia. (neste caso a intenção é de fixar residência
na Bahia)

ABAIXAR / BAIXAR

Usamos ABAIXAR em todos os casos com complemento,
e BAIXAR em dois bem específicos:

Abaixar
Abaixaram o preço da cesta básica

É preciso
abaixar a voz.

Baixar
a) usa-se quando não há complemento:
A cesta básica
baixou.
O nível de água do rio baixou.

b) Quando o complemento é parte do corpo:
baixar os olhos, baixar os braços.

Observação:
Quando queremos indicar uma ação específica; inclinando o corpo para baixo, usamos abaixar.
Cuidado, abaixe bem o corpo ao fazer o exercício.

A BAIXO / ABAIXO

A baixo
Sinônima de "de baixo", "para baixo"
Quando cheguei, ela me olhou de cima a baixo:
Temos que lavar a porta do alto a baixo.
 
Abaixo
é usado referente a algo que esteja numa posição inferior. É sinônimo de embaixo, debaixo, sob, por baixo
Veja abaixo o lixo para catar.
Sua posição no concurso ficou abaixo da minha.

ABAIXO ASSINADO / ABAIXO - ASSINADO

Abaixo assinado
é uma expressão usada para indicar os
participantes de algo:
Marcos enviou o 
abaixo-assinado.

Abaixo-assinado refere-se ao documento assinado por diversas pessoas.
O baixo-assinado foi entregue ao`Prefeito.

ABSOLVER / ABSORVER

Absolver
é perdoar.
O juiz
absolveu o réu.

Absorver é consumir:
A parede absorveu muita tinta.

ACENDER / ASCENDER

Acender
é atear fogo.
Ele
acendeu a fogueira.

Ascender é elevar-se.
Maria
ascendeu na escola em que empresa, chegando a
coordenadora.

ACERCA DE / HÁ CERCA DE / CERCA DE

Acerca
de
é equivalente a respeito de:
Conversávamos
acerca da nova grade escolar.

Há cerca de
é usado para indicar tempo transcorrido:
Há cerca de três meses torci o pé.

Cerca de
é equivalente a aproximadamente:
Ela tinha cerca de 20 anos.

ACOSTUMAR / COSTUMAR

Acostumar é ter costume.
 Eu já me
acostumei com o verão carioca.

costumar é ter por hábito

Costumo a
lmoçar sempre às 12h.

AFERIR / AUFERIR

Aferir
é o mesmo que conferir medidas:
O médico aferiu a pressão do paciente.

Auferir
é obter algo.
A loja auferiu muito dinheiro com as vendas.

A FIM DE / AFIM DE

A fim de
é usado para indicar finalidade.
Juntava dinheiro a fim de comprar um carro.

Afim de é usado para indicar afinidade ou intimidade:
Moravam em casas afins


ASTERISCO / ASTERÍSTICO

A palavra correta é
asterisco, essa palavra tem origem em aster
(astro=estrela) e isco (diminuição)
.

BABADOR / BABADOURO

Há muita confusão no uso destas duas palavras, normalmente empregadas de forma errada.
Babador - a pessoa que baba.

Babadouro
- o local onde se baba.
A explicação está nos sufixos:
dor = agente / douro = lugar.
Portanto, a criança seria o babador; e o protetor de pano seria o babadouro.

IPC:
Aplica-se a mesma regra para:
Provador
(quem prova) / Provadouro (local onde se prova);             Bebedor (quem bebe) / bebedouro (local onde se bebe).

BEM-VINDO / BEM VINDO / BENVINDO

Às vezes somos
Bem-vindos nas cidades em que visitamos, pois é muito comum o uso de : Bem Vindo a tal lugar.
O correto é:
Bem-Vindo ao Brasil

IPC: Benvindo ou Benvinda são nomes próprios, e devem ser grafados em letra maiúscula.

BENEFICENTE / BENEFICIENTE

É bom estar ciente que o correto é
beneficente. Perceba que
há um hospital em São Paulo cujo nome é:
Beneficência Portuguesa.
Fomos a um evento beneficente.

BERRUGA / VERRUGA
As duas formas podem ser empregadas sem problema algum.

BIMENSAL / BIMESTRAL

Bimensal
é empregado para algo que ocorre duas vezes no mesmo mês.
A circulação do jornalzinho é bimensal
.

Bimestral
é empregado para algo que ocorre a cada dois meses.
As provas são bimestrais
.
A circulação do jornalzinho é bimensal.

 

 

 

 


Próximo